Karate-do e Tae Kwon-Do

Em 2009, além das oficinas de arte, o Instituto Olga Kos passa a oferecer aulas de Karatê e Tae Kwon-Do para pessoas com deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down. O objetivo desses projetos é estimular jovens com deficiência intelectual à prática das artes marciais Karatê-Do e Tae Kwon-Do.  Durante as aulas, a equipe visa o desenvolvimento das capacidades e habilidades motoras do aluno individualmente e no trabalho em equipe, desenvolvendo a cooperação e o companheirismo, organização, o respeito às regras da modalidade, cortesia, humildade, aumento da autoestima e da autoconfiança, além de aspectos ligados à saúde. Desta forma acreditamos que o esporte tem o potencial de educar para a vida e promover a inclusão social.

 

Com a evolução deste programa, procuramos colocar estes jovens no mercado de trabalho, com mais maturidade e confiança para se sentirem, por inteiro, cidadãos incluídos.

 

Nosso objetivo é auxiliar os alunos em sua integração à sociedade, aliando os resultados aos benefícios trazidos para a saúde e a qualidade de vida. Em 2013, os projetos de esporte devem atender 500 crianças, jovens e adultos com e sem deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down. 

 

Os projetos do Instituto Olga Kos são aprovados pelo Ministério do Esporte, pela Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, como pelo FUMCAD, em conformidade com a Lei de Incentivo ao Esporte.

 

Sobre o Karate-Do

A palavra Karate-Do significa “Caminho das mãos vazias”. Teve origem nos movimentos dos animais e com o passar dos anos se modificou para se tornar mais simples e humano, porém sempre mantendo sua complexidade e riqueza de detalhes.

Todos os movimentos do Karate-Do podem ser considerados habilidades motoras e a maneira como será manifestada, o movimento em si, padrão motor.

Todas as habilidades motoras que o Karate-Do proporciona têm o objetivo de transformar a pessoa, pois o aprimoramento dos movimentos leva à auto superação e a uma modificação da pessoa como um todo.

 

Karate-Do – Passos para a inclusão II (Estadual)

O projeto é destinado a pessoas com deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down. Através dos exercícios realizados com a prática do Karate-Do os alunos passarão por um desenvolvimento global estimulando a propensão ao envolvimento dos participantes nas atividades. Os objetivos deste projeto consistem na promoção da integração entre todos os envolvidos (professores, comunidade local e alunos); inserção cultural através da história desta arte marcial; o reconhecimento da sociedade em relação às habilidades desenvolvidas de nossos atendidos através da diminuição do preconceito; estimulação dos aspectos cognitivos individuais e o desenvolvimento físico-motor, sempre acompanhado por profissionais especializados e por psicólogos. São 50 vagas oferecidas.

Local da realização do projeto: APAE São Paulo: Rua Loefgreen, 2109 – Vila Clementino.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: Brasil Kirin

 

Karate V – Inclusão pelo Esporte (Federal)

O projeto é de continuidade e tem o objetivo de dar sequencia ao trabalho iniciado desde 2009. Em sua quinta edição, o programa continua incentivando jovens e adultos com deficiência intelectual a prática do Karate-Do e resultados cada vez melhores. De forma lúdica o projeto garante integração social; desenvolvimento do raciocínio, autoconfiança, aumento da auto-estima e consciência corporal; através de atividades que melhoram a qualidade de vida e saúde dos envolvidos que passarão por exames físicos e clínicos para garantir boas condições de prática da arte marcial. O projeto teve início no primeiro semestre de 2013.

Local da Realização do Projeto: ADERE: Rua Contos Gauchescos, 86 | LARES: Rua Barão do Rego Barros, 179 – Campo Belo | CENHA: Rua Francisco Bueno, 384 – Tatuapé.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: Banco Volkswagen, Atlas e Cristália.

 

Karate-Do Kids (Federal)

O Projeto Karate Do Kids é uma iniciativa desenvolvida pelo Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural, com uma nova oportunidade para o público infantil de 04 (quatro) a 12 (dez) anos. A procura por oficinas de Karate Do pelo público infantil promoveu a necessidade de aumentar o número de beneficiados. O Projeto Karate Do Kids tem o objetivo de incentivar crianças com e sem deficiência intelectual à prática deste, contribuindo para sua integração à sociedade, focando o aprimoramento dos aspectos sociais, cognitivos e motores, promovendo a inclusão social de todos os envolvidos no programa. Para este projeto há 50 vagas. As aulas tiveram início em Junho de 2013.

Local da Realização do Projeto: LAR DAS CRIANÇAS – Praça Jauarapa, 1 – Parada XV de Novembro – Itaquera.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: Oi Futuro, Takeda Pharma, Grupo Solví, Agiplan, Grupo Comolatti.

 

Projetos concluídos

 

karate para Pessoas com Síndrome de Down
Iniciação ao karate-do para Jovens com D.I de Guarulhos
Karate para Jovens Especiais – II
Karate para Jovens Especiais – III
Karate IV – Inclusão Pelo Esporte
 
Karate –Do – Passos para Inclusão

  

KARATE E TAEKWONDO: ARTES MARCIAIS PARA PESSOAS COM SÍNDROME DE DOWN E/OU DEFICIÊNCIA INTELECTUAL

 

Sobre o Taekwondo

A palavra Tae Kwon-Do significa “O Caminho dos pés e das mãos”.

Como arte marcial, o Tae Kwon-Do originalmente estava formulado como uma forma de defesa pessoal, como uma maneira de aperfeiçoar o próprio comportamento e criar uma  sociedade melhor.

A base filosófica do Tae Kwon-Do está ligada à formação do caráter do praticante, buscando a humildade, a cortesia, a concentração, o respeito e a união.

Para praticar o Tae Kwon-Do em sua filosofia, é preciso realizar os movimentos com integridade, perseverança e valores.

 

Taekwondo – Exercícios para a inclusão II (Estadual)

O projeto “Taekwondo – Exercícios para a Inclusão II” aprovado em 2012 teve início no primeiro semestre de 2013 e tem como principais metas, promoção da integração entre os alunos com deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down e alunos sem deficiência intelectual; promoção da integração cultural; integração e conscientização do publico para com o desenvolvimento dos praticantes da modalidade; estimulo do desenvolvimento cognitivo e melhora do desenvolvimento físico-motor. O projeto é desenvolvido por uma equipe multidisciplinar composta por profissionais especializados da área da Educação Física, psicólogas, avaliadores físicos e médicos. O programa oferecerá 50 vagas, sendo 10% destinadas a pessoas sem deficiência intelectual.

Locais da Realização do Projeto: APAE DIADEMA:  Av. Dr. Ulysses Guimarães, 316 – Diadema | LIRA TAE-KWON-DO CLUBE: Av. Alda, 244 – Diadema.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: White Martins e Búfalo.

 

Taekwondo V: Inclusão pelo Esporte (Federal)

O projeto Taekwondo V tem o objetivo de incentivar jovens com e sem deficiência intelectual a prática do Tae Kwon-Do e vem contribuindo para a integração do deficiente na sociedade focando um aprimoramento nos aspectos sociais, cognitivos e motores, promovendo inclusão social entre os mesmos, suas famílias e a comunidade. Para este projeto foram oferecidas 100 vagas.

Local da Realização do Projeto: CEU Caminho do Mar: Av. Eng. Armando de Arruda Pereira, 5241 – Jabaquara | LIRA TAE-KWON-DO CLUBE: Av. Alda, 244 – Diadema.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: TAM, PPE Fios, Ecorodovias, Bradesco, Perrotti Partnes.

 

 

Taekwondo Kids II (Federal)

O Projeto Taekwondo Kids II é uma continuidade da iniciativa desenvolvida pelo Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural em 2009, com uma nova oportunidade para o público infantil de 04 (quatro) a 12 (doze) anos. A procura por oficinas de Taekwondo pelo público infantil promoveu a necessidade de aumentar o número de beneficiados. O Projeto Taekwondo Kids II tem o objetivo de incentivar crianças com e sem deficiência intelectual à prática deste, contribuindo para sua integração à sociedade, focando o aprimoramento dos aspectos sociais, cognitivos e motores, promovendo a inclusão social de todos os envolvidos no programa. Para este projeto há 50 vagas..

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: Volkswagen Logistics, Volkswagen do Brasil, Ecorodovias, Protege, Merial, Razzo, Cipatex, Publicis, Santa Rosa Metais, Consórcio Luiza, Bellman

 

Karate e Taekwondo – Caminhos para Inclusão (FUMCAD)

O objetivo do projeto é incentivar jovens com deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down, a prática do Karate-do e Tae Kwon-Do integrando a participação com instituições parceiras do Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural. O projeto promove o desenvolvimento físico saudável, estimula a sociabilidade e ampliará a capacidade criativa, motora e física de seus atendidos. São 50 vagas para Karate-Do e 50 para Tae Kwon-Do.

Local da Realização do Projeto: CEU Paz: Rua Daniel Cerri, 1549 – Brasilândia | CEU Parque Anhanguera: Rua Pedro José de Lima, s/nº – Anhanguera | CEU Vila Atlântica: Rua Coronel Venâncio Dias, 840 – Jaraguá.

Todas as vagas foram preenchidas.

Saiba mais como investir neste projeto

Patrocínio: CCR e Banco GMAC.

 

 

Projetos concluídos

 

Taekwondo para Jovens com Deficiência Intelectual
Taekwondo para Jovens Especiais – II
Taekwondo para Jovens Especiais – III
Taekwondo IV – Inclusão Pelo Esporte
  
Tekwondo – Exercícios para a  Inclusão

 

Perguntas Frequentes

As aulas são gratuitas?

Sim. Não existe forma alguma de cobrança. Todo o material é gratuito.

 

Quem pode participar do projeto?

Crianças, jovens e adultos com deficiência intelectual, particularmente Síndrome de Down. Apenas 10% das vagas nas oficinas são direcionadas a população de baixa renda.

 

Onde acontecem as aulas?

Em centros esportivos preparados para treinamentos de Karate-do e Tae Kwon-Do.

 

Quantas pessoas são atendidas por projeto?

50 ou 100 alunos em cada projeto.

 

Quem são os profissionais envolvidos nos projetos?

Nossa equipe é formada por profissionais multidisciplinares. Professores faixa preta, profissionais de Educação Física, Psicólogos e Médicos especializados.

 

 

Informações

Natália Monaco
natalia@institutoolgakos.org.br
Tel: (11) 3081-9300